Produtos para Ligeiros / Van / 4x4

Os fabricantes de automóveis estão a desenvolver cada vez mais materiais para automóveis inovadores and sustentáveis.

Materiais Sustentáveis nos
Automóveis do Futuro

Materiais Sustentáveis nos Automóveis do Futuro

Devido à maior sensibilização para o impacto ambiental dos materiais utilizados nos veículos, a indústria automóvel está a dar passos pioneiros na inovação de materiais para obter alternativas sustentáveis e de baixo impacto que ajudam o ambiente mas não põem em causa a qualidade. 

Do tomate ao ananás, do dente-de-leão ao agave, os fabricantes de automóveis, desde as marcas mais económicas às marcas de luxo, estão a encontrar materiais alternativos e tecnologias de pneus incríveis para tornar os automóveis do futuro sustentáveis, no interior e exterior. Descrevem-se a seguir algumas grandes inovações da tecnologia automóvel em curso, que estarão nos assentos ou nos pneus do seu automóvel nos próximos anos.

Materiais sustentáveis nos interiores dos automóveis

O interior de um carro do futuro com material de superfície inteligente

Nos últimos anos, a tendência passou a ser utilização de materiais mais sustentáveis e naturais. A indústria automóvel lidera o esforço de inovação com novos materiais que podem substituir materiais nocivos e podem também beneficiar a agricultura e outros setores. Um exemplo é o couro sintético, SofTex, que pesa muito menos do que o couro verdadeiro e produz menos emissões de carbono e menos compostos orgânicos voláteis. A Continental está a testar a utilização de um material inteligente de superfície translúcida, acella hylite, que adapta a iluminação aos ritmos circadianos, às condições meteorológicas e aos níveis de luz ambiente para aumentar a segurança e o conforto. Os outros materiais inovadores que estão a ser estudados para os interiores dos veículos incluem a pele de tomate para tubagens e buchas da suspensão, as carapaças das lagostas devido às suas propriedades antimicrobianas, bem como cascas de grãos de café, que são utilizadas em faróis.


 

Os fabricantes automóveis pioneiros já utilizam várias fibras naturais na produção atual de automóveis. Estes materiais sustentáveis são utilizados para reforçar plásticos, produzir espumas e substituir materiais nocivos como a fibra de vidro ou os materiais à base de petróleo; é o caso, por exemplo, da espuma de soja, palha de trigo, fibra de quenafe, fibra de coco e cascas do arroz. Está também a ser estudada a possibilidade de utilizar as fibras vegetais de agave que sobram da produção de tequila para produzir mais peças de bioplástico sustentáveis, como feixes de fios, unidades AVAC e caixas de armazenamento. A José Cuervo, uma empresa distribuidora de tequila, utiliza todos os componentes das 200-300 toneladas de agave que colhe diariamente. Estão em curso estudos sobre a viabilidade da utilização de bambu de crescimento rápido e algas para aplicações no interior. O bambu amadurece em cerca de 2 a 5 anos, é compostável e tem uma tensão de rotura semelhante à do aço.

Um outro conceito revolucionário, desenvolvido por Carmen Hijosa, especialista em peças de couro, é a criação de falsa camurça a partir de fibras extraídas das folhas de ananás. O Piñatex™ utiliza os 25 milhões de toneladas de folhas de ananás colhidas anualmente e tem um quarto do peso e dois terços dos custos do couro verdadeiro. As folhas seriam queimadas ou deixadas a apodrecer, pelo que a sua produção como têxtil não tecido pode proporcionar rendimentos aos agricultores e tornar-se uma nova e vibrante indústria para os países produtores de ananás. O Piñatex é atualmente utilizado para fabricar calçado, malas e vestuário, mas também tem sido aplicado no fabrico de tapetes para automóveis, e os fabricantes estão a avaliar a utilização desta alternativa ao couro em mais elementos interiores, em especial os assentos.

Factos sobre a Sustentabilidade

0
% SofTex menos emissões de CO2 em comparação com o couro
0
% Pinatex menos peso em comparação com o couro
0
% mais força da fibra de celulose em comparação com o aço
0
Taraxagum Sustainability awards

Materiais sustentáveis no exterior de um automóvel

Os rigorosos requisitos de segurança para o exterior de um automóvel tornam a utilização de tecnologias de materiais inovadoras muito mais complexa. No entanto, as empresas de automóveis estão a testar a viabilidade do aço, alumínio, fibra de carbono, ligas e materiais híbridos. O Ministério do Ambiente do Japão criou um automóvel totalmente feito de madeira: o Veículo de Nanocelulose. A fibra de celulose é um material de base vegetal que inclui resíduos agrícolas e tem um quinto do peso do aço, mas cinco vezes a sua força. A sua utilização para construir a carroçaria do veículo e parte do quadro permitem criar um veículo com metade do peso de um automóvel tradicional. O Instituto Fraunhofer também está a investigar se é viável utilizar plásticos de fibra natural reforçada para criar uma carroçaria leve para os veículos. Criou também a terceira geração do seu Automóvel Bioconceito, que utiliza materiais orgânicos compostos nas portas. Em comparação com o aço, estes materiais permitem uma redução de 60% do peso.

Materiais sustentáveis nos pneus dos automóveis

Pneu Taraxagum

A utilização de borracha na tecnologia de pneus é também um aspeto essencial a ter em conta para futuros projetos de sustentabilidade na indústria automóvel. O mercado mundial dos pneus cresce aproximadamente três por cento ao ano, e a oferta de borracha não está a conseguir dar resposta à procura, uma vez que a fonte da borracha natural, a seringueira, só pode ser cultivada numa pequena parte da superfície terrestre. A Continental, juntamente com o Instituto Fraunhofer e o produtor de espécies vegetais ESKUSA, já produziu os seus primeiros pneus para pesados utilizando apenas fontes de borracha natural baseadas em dentes-de-leão. O material utilizado, o Taraxagum, é obtido em plantas de dente-de-leão russas, que apenas demoram um ano a crescer. O resultado, o Conti EcoPlus HD3, apresenta um nível de desempenho do pneu, em geral e no piso, equivalente ao dos nossos pneus premium tradicionais e começará a ser produzido em série nos próximos anos.


Saiba mais sobre o Taraxagum, a borracha do futuro para pneus

Iniciar
 

#ExtremeE | Mikaela meets | Episódio 6: O cientista da borracha

Materiais inteligentes em automóveis

Os materiais pequenos e adaptáveis também estão a aumentar na produção de automóveis. Desde os cristais piezelétricos, que retêm a energia de objetivos em movimento e a convertem em energia elétrica, aos materiais com memória de forma e aos plásticos eletroativos, podemos contar com muitas aplicações inteligentes nos próximos anos. Os cristais piezelétricos já foram incorporados no asfalto de estradas movimentadas para reter a energia das vibrações dos veículos. Prevê-se que, numa reta de 16 quilómetros, estes cristais possam gerar eletricidade suficiente para fornecer energia a uma cidade com uma população de 100.000 pessoas. Imagine-se se estes elementos pudessem ser incorporados nos próprios automóveis, para ajudar a alimentar os veículos elétricos.

As ligas com memória de forma consistem num material metálico que pode ser dobrado e esticado, recuperando a sua forma inicial quando aquecido. Estas ligas poderiam ter muitas aplicações em veículos, desde o sistema de grelhas à ventilação da carroçaria. É impossível saber que aspeto terão os carros dentro de alguns anos, mas é garantido que incluirão tecnologias automóveis inovadoras e os materiais sustentáveis do futuro.

Related topics

Prepare for an electrified future

Prepare for an electrified future

E-mobility involves electrifying and advancing every aspect of a vehicle, as well as developing innovative sharing and autonomous driving solutions.

Ler mais

Beyond the extreme: Taraxagum, Part 2

The Continental researchers developing an alternative source of natural rubber on how they make magic happen.

Ler mais

Rubber from Dandelions - Continental is developing Sustainability

Continental is intensively focussing on the development of alternative materials for tire production. Rubber from the roots of dandelions is one of the most promising projects. Here you will find all that we have published about it by now.

Ler mais