Produtos para Ligeiros / Van / 4x4

O artista Julian Montague a segurar um quadro de um BMW 2002 de 1974

O Projeto de Arte

"Heróis do Equipamento de Origem"

CARROS ICÓNICOS COM PNEUS CONTINENTAL ATRAVÉS DO TEMPO

Two cars that have featured and will feature Continental Original Equipment tires – the 1901 Mercedes 35 PS and 2020 VW ID.3

Este ano, a Continental faz uma retrospetiva dos quase 150 anos da história da empresa. Como fabricante de pneus, cada capítulo dessa história está estreitamente interligado com a dos fabricantes de automóveis que equipam os seus veículos com pneus Continental. Desde os primeiros veículos motorizados que circularam nas estradas públicas até aos carros mais populares, mais inovadores e com maior procura que são produzidos atualmente, os nossos pneus fizeram sucessivamente parte da história automóvel. Naquela época, tal como agora, algumas das maiores marcas de automóveis depositaram a sua confiança na Continental para lhes fornecer a tecnologia de pneus que complementa as suas inovações automobilísticas.

Em 1901, o Mercedes 35 PS, o primeiro carro produzido por Wilhelm Maybach e Paul Daimler sob a denominação Mercedes, dominou a Nice Race Week – com pneumáticos da Continental. Em 1925, o primeiro Rolls-Royce Phantom foi originalmente equipado de fábrica com os nossos pneus, tal como o Volkswagen “Carocha” de 1955, o Porsche 911 de 1964 e o Land Rover D90 de 1986, para referir apenas alguns. Atualmente, um em cada três carros novos na Europa circula com pneus Continental – e muitos mais em todo o mundo estão a ser acrescentados à longa lista de marcas que contêm Equipamento de Origem (EO) da Continental. Com o Volkswagen ID.3, que circulará com pneus de EO da Continental em 2020, também estamos preparados para um futuro movido a eletricidade.

Com pneus de Equipamento de Origem, a Continental tornou-se uma parte da história dos automóveis e fará parte do futuro da mobilidade.

Para prestar homenagem aos pneus de Equipamento de Origem nos modelos de automóveis do passado, do presente e do futuro, um recém-chegado artista de Nova Iorque, Julian Montague, conceptualizou e concebeu uma série de arte gráfica denominada “Heróis EO”. 

SOBRE O ARTISTA: JULIAN MONTAGUE


Criado em Buffallo, Nova Iorque, Julian Montague cresceu desde cedo rodeado por muita inspiração e com um amplo espaço para dar asas à sua criatividade. Numa descrição resumida da sua cidade natal, onde ainda vive e trabalha, ele diz que “Buffalo tinha no passado quase o dobro do tamanho atual. Era muito rica na Era Vitoriana, pelo que a sua arquitetura é imponente. Foi construída para ser uma cidade muito mais importante do que é hoje.”

A abertura e o espaço circundantes podem ter contribuído para o desejo de Montague por formas de trabalho sem restrições. Quer se trate de pinturas ou de fotografia, técnica mista ou peças conceptuais, arte visual ou desenho gráfico, é impossível manter os variados aspetos da sua prática criativa completamente separados. “As práticas entrecruzam-se constantemente. O design e arte sobrepõem-se de tal forma que tenho de prosseguir com ambos. Qualquer ideia ou imagem pode assumir muitas formas.”

JULIAN MONTAGUE E A SUA VISÃO ARTÍSTICA DO DESIGN AUTOMÓVEL

Como artista, Montague debate-se frequentemente com um assunto específico, uma ideia concreta ou um ínfimo pormenor durante anos, examinando, dissecando e observando, antes de finalmente criar a sua própria interpretação. Conta que se sente preocupado, obcecado, mas também interessado ou fascinado, por temas que vão desde carrinhos de supermercado a aranhas, capas de livros falsas a cartazes de exposições ficcionadas. Ele remete a origem deste seu fascínio por carros, o tema da série Heróis EO, para os seus brinquedos de infância. “Penso que é inevitável termos algum interesse por carros quando crescemos”, explica, “como crianças, conhecemos esses objetos muito intimamente, porque brincamos com eles e manuseamo-los muito.”

CARROS ICÓNICOS COM PNEUS DE EQUIPAMENTO DE ORIGEM DA CONTINENTAL

Aprecie a seleção dos nossos modelos mais famosos de carros, que inclui mais de 800 equipados com pneus Continental ao longo dos últimos 150 anos:

JULIAN MONTAGUE SOBRE O PROJETO DE ARTE DA CONTINENTAL

Visitámos Julian Montague no seu estúdio para o vermos criar esta série única de arte sobre carros e descobrirmos como é que ele transforma uma ampla gama de carros muito diferentes, que abrangem mais de um século, numa galeria visualmente coerente e inspiradora de ícones de design automobilístico.

 

As pessoas que desenham estes carros querem que a frente do carro reflita a sua identidade. Não querem que a frente se assemelhe à de qualquer outra marca, pelo que todos os elementos visuais estão ali ao meu dispor. Tento separá-los ligeiramente e voltar a uni-los novamente nesta forma simples e elegante.

Julian Montague
O artista Julian Montague a conduzir em Buffallo, Nova Iorque, no seu carro, um Saab 900

Montague também reconhece o papel fundamental que os carros desempenham no sonho americano. Como ele afirma, “é um país grande e há um certo fascínio na ideia de ter um carro. Posso ir até à minha porta de casa e conduzir até Los Angeles. É inegável que ter um carro nos dá esta liberdade de movimentos que é bastante empolgante. Eu gosto muito de viagens longas, dessa experiência americana clássica.”

Apesar de não aparecer na série, Montague não conseguiu resistir a ilustrar também o seu próprio carro, um Saab 900. “Os Volvos e os Saabs das décadas de 80, 90 e 70 são atraentes à sua maneira”, reflete. “É um design despretensioso, ligado a uma sensibilidade escandinava que eu considero apelativa. Nenhum outro carro foi sequer parecido com o Saab 900.”

DO ESTÚDIO DO ARTISTA PARA O MUNDO – ONDE ENCONTRAR AS OBRAS DE ARTE

O Artista Julian Montague a trabalhar no seu estúdio


O trabalho de Montague tem sido exibido em museus e galerias em todo o mundo. Embora haja uma sensibilidade clássica subjacente a muito do seu trabalho, as suas formas de interagir com o mundo da arte – e com o mundo em geral – é decididamente moderna, utilizando as redes sociais para partilhar as novas descobertas e os seus trabalhos mais recentes. “Hoje em dia nunca se sabe ao certo como é que as pessoas encontram o nosso trabalho, porque mostramos coisas ao mundo e está tudo muito globalizado”, diz, com algum fascínio. Depois dos seus desenhos gráficos de carros serem impressos como pósteres e distribuídos por revendedores de carros a nível mundial, ele está determinado a alcançar um público global totalmente novo. Ou seja, pessoas que adoram carros icónicos – e os seus pneus de Equipamento de Origem da Continental.

DESCARREGUE O SEU HERÓI FAVORITO DO EQUIPAMENTO DE ORIGEM:

Encontre o seu pneu

O caminho mais rápido para o pneu perfeito.